terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Derrota "positiva" mas evitável

Todos nós esperávamos encontrar um Everton diferente daquele que foi humilhado pelo Benfica. Por outro lado (e muito me custa a admitir), o nível exibicional dos leões não chega nem a metade do dos nossos rivais da segunda circular.
O Sporting entrou bem no jogo e anulou as ofensivas dos ingleses devido ao bom posicionamento táctico. Porém, a equipa leonina amedrontou-se e isso foi-lhe fatal. Com um erro de marcação por parte da nossa defesa, o Everton chegou ao golo e, consequentemente, ao intervalo a vencer. Este resultado não coincidia com o que se passara em campo, bem pelo contrário, já que os leões dispuseram de boas oportunidades para marcar.
Depois, como tudo nos acontece, sofremos o segundo golo logo no terceiro minuto da segunda parte.
A reacção foi péssima e a equipa mostrou um grande contraste em relação ao primeiro tempo. O que vimos foi um Sporting desligado, com as linhas muito afastadas entre si e pouca agressividade defensiva.
Só com a entrada de Yannick para o lugar de Moutinho (finalmente tiveram coragem de o tirar de campo, visto não estar a realizar uma boa exibição) o Sporting foi para a frente, encostou o Everton às cordas e, num golpe de sorte (e persistência de Liedson, diga-se), o Levezinho arranca um penalty que Veloso converteu com uma grande frieza.
Nota positiva para Patrício (que voltou a estar em bom nível entre os postes, recuperando a confiança), para a grande exibição de Izmailov (como é que é possível vendermos este jogador só por 6 milhões de euros?! Já vendê-lo é uma estupidez, quanto mais por essa quantia... coisas à Sporting!) e para Pedro Mendes (que está de regresso à boa forma, assumindo-se, e bem, como patrão do meio campo leonino).
A eliminatória está em aberto. Agora, apesar de jogarmos em casa, não pensem que já está ganho. Aliás, quem se encontra em vantagem é o Everton que ganhou a primeira mão. Se nós temos de ganhar 1-0, a eles basta-lhes um empate.
Contudo, estou bastante confiante na passagem à próxima fase (se realizarmos, claro, uma boa exibição) já que deu para ver que este Everton está mais que ao nosso alcance.
Força Sporting!

6 comentários:

  1. quanto tempo mais têm os sportinguistas de gramar o Grimi na equipa?

    GR: PAtricio ou Tiago
    DD: João Pereira ( na liga europa Pereirinha)
    DE: Miguel Veloso ( lateral esquerdo da selecção no mundial)
    dc: Tonel
    dc: Carriço
    MC: Pedro Mendes
    MC João Moutinho
    MAC: Matigol
    MAE/MAD: Izma ou Vuk
    Av: Pongolle ( liga europa Djáló ou Saleiro)
    AV: LEVEZINHO

    nem percebo qual a dificuldade!!

    ResponderEliminar
  2. NÃO ESQUEÇAM NUNCA O PIOR PERÍODO DE SEMPRE DO SPORTING.
    NÃO ESQUEÇAM NUNCA O TRIO DA DERROTA, JEB, GARÇÃO E CARVALHAL PARA QUE UM DIA, QUANDO VOLTARMOS A SER GRANDES E ÀS VITÓRIAS, NÃO TENHAMOS DE LEVAR COM ESTES CANCROS OUTRA VEZ.

    ResponderEliminar
  3. NÃO ESQUEÇAM NUNCA O PIOR PERÍODO DE SEMPRE DO SPORTING.
    NÃO ESQUEÇAM NUNCA O TRIO DA DERROTA, JEB, GARÇÃO E CARVALHAL PARA QUE UM DIA, QUANDO VOLTARMOS A SER GRANDES E ÀS VITÓRIAS, NÃO TENHAMOS DE LEVAR COM ESTES CANCROS OUTRA VEZ.

    ResponderEliminar
  4. NÃO ESQUEÇAM NUNCA O PIOR PERÍODO DE SEMPRE DO SPORTING.
    NÃO ESQUEÇAM NUNCA O TRIO DA DERROTA, JEB, GARÇÃO E CARVALHAL PARA QUE UM DIA, QUANDO VOLTARMOS A SER GRANDES E ÀS VITÓRIAS, NÃO TENHAMOS DE LEVAR COM ESTES CANCROS OUTRA VEZ.

    ResponderEliminar
  5. Amigos, recomendo a leitura e analise deste post sobre o nosso clube... à muito que não lia nada tão correcto e racional ... pode doer mas ...



    http://qhadenovonomercado.blogspot.com/

    ResponderEliminar